quarta-feira, 12 de maio de 2010

Salada de atum com queijo de cabra, nozes e vinagre balsâmico

Com o calor o que mais apetece são saladas, frescas e cheias de cor e sabor, e com vários ingredientes que resultam em combinações muito agradáveis.
Nesta salada destacou-se o queijo com as nozes e o maravilhoso sabor do vinagre balsâmico. Uma descoberta recente para mim, tenho-me deliciado com ele nas mais diferentes confecções. Comprei um que não foi caro e já é bastante bom.
Aqui fica a receita desta salada fresca e aromática.

Ingredientes para 3/4 pessoas

cerca de 200 gr de macarrão
alface
3 latas de atum
1 queijo de cabra
azeitonas
vinagre balsâmico
50 gr de miolo de noz
mistura de ervas aromáticas - salsa, endro e oregãos
sal
azeitonas pretas
Para o molho
maionese
ketchup




Confecção
- Comece por cozer a massa al dente temperada de sal.
- Entretanto lave e arranje as folhas de alface.
- Escorra o atum e desfaça-o.
- Numa saladeira coloque a massa, depois a alface escorrida e polvilhe com as ervas aromáticas.
- Junte também o atum desfeito por cima, o queijo de cabra cortado em pedaços pequenos , as nozes e as azeitonas.
- Espalhe a gosto o vinagre balsâmico sobre a salada. Espalhe algumas azeitonas por cima.
- Entretanto faça o molho misturando a maionese com o ketchup e no prato, regue a salada com este molho.



Um pouco de história sobre... o vinagre balsâmico.



O vinagre balsâmico é um produto distinto devido ao processo de elaboração pelo qual passa e pelas suas características aromáticas únicas. O mais conhecido é o Vinagre Balsâmico Tradicional de Modena que é protegido por uma Denominação de Origem"desde 1983.

A história do vinagre balsâmico teve inicio na região de Modena (Itália) . Dadas as condições de clima da região os vinhos produzidos eram de baixa graduação alcoólica, portanto não recomendados para exportação, mas apropriados para a produção do vinagre.

O vinagre balsâmico é o produto obtido da fermentação alcoólica e acética do mosto de uva Trebbiano, cozido, o qual é obtido a partir da uva esmagada e separado no início da fermentação alcoólica. O cozimento é feito em fogo directo até o teor de açúcar alcançar valor compreendido entre 28 e 33 °Babo, o que corresponde a uma redução de 20% a 30% do volume inicial do mosto.
Um mosto mais cozido dará origem a um vinagre balsâmico mais doce. Os vinagres feitos de mostos menos cozidos são os preferidos e necessitam de mais tempo para serem feitos. O mosto, assim concentrado, é colocado em recipientes de madeira, até se transformar em vinagre balsâmico.O tempo necessário para a elaboração do vinagre balsâmico é de, no mínimo, 20 anos e é comum encontrarem-se vinagres com 50 anos.

Quando pronto, o vinagre balsâmico, adquire um aspecto denso, xaroposo e escuro, com perfume e sabor doce/ácido inconfundível, resultado de todas as operações efectuadas durante o longo período de elaboração e /envelhecimento nos diferentes tipos de madeira.

O vinagre balsâmico é considerado um dos mais refinados condimentos. É recomendável utilizá-lo em saladas e frituras, além de combinar perfeitamente e exaltar o gosto e o aroma quando utilizado em pratos com carnes.

16 comentários:

  1. É daquelas receitas óptimas para o verão!!

    ResponderEliminar
  2. eu tambem me tornei fã do vinagre balsamico,da um sabor maravilhoso as saladas,a tua salada é optima,bjs

    ResponderEliminar
  3. Adoro as tuas saladas...ficam sempre cum um aspecto deveras tentador...
    beijica

    ResponderEliminar
  4. Eu e as saladas damo-nos muito bem... lol
    Adorei!!!!

    Beijocas :)

    ResponderEliminar
  5. Para mim é sem atum, sff!
    De resto, "marcha" tudo!!!

    ResponderEliminar
  6. uma salad super apetitosa
    venha dai um pratinho
    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Pois é, o vinagre balsâmico tornou-se elementar nas saladas, e quero ver se o começo a usar noutras coisas. Há que abrir horizontes culinários. hehe

    beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Obrigada Tuquinha.
    Na verdade gosto tanto de saladas, que até as fotos me saem melhores! hehe

    beijinhos e obrigada pela visita!

    ResponderEliminar
  9. Humm...é mesmo destas que eu gosot. Linda salada.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Olá,Vania!
    Gosto bastante de massa,e de atum,para mim essa refeição está óptima muito bom!


    Bjinhos

    ResponderEliminar
  11. Realmente as tuas saladas ficam com óptimo aspecto... Eu adoro usar massa em salada, fica óptimo :)
    beijoca

    ResponderEliminar
  12. obrigada pelos comentários e pelos elogios que tão bem sabem.
    adoro saladas que levem massa e atum.

    bjinhos a todas

    ResponderEliminar
  13. Adoro todo o tipo de saladas, esta vou levar a receita para fazer, daqui para a frente é o que mais apetece, saladinhas
    bjs

    ResponderEliminar
  14. FICOU MUITO APETITOSA ADORO SALADAS E VINAGRE BALSÁMICO NEM SE FALA.BJS

    ResponderEliminar
  15. Pois é meninas, saladinhas é o que melhor sae quando começa o calor. E é om experimentar novas conjugações de saores e ser surpreendida pela positiva.

    Descobri agora umas mostardas deliciosas que já fiz post sore elas e que podem encomendar se quiserem, são uma maravilha.Tenho em vista muitas saladinhas com elas e não só.

    beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita. Deixe o seu comentário, é sempre bem-vindo a este cantinho. Responderei assim que poder.